Início Empresarial Braskem leva parede de escalada para Virada Sustentável

Braskem leva parede de escalada para Virada Sustentável

Ao “escalar a parede”, os visitantes poderão aprender sobre a importância da leveza e reciclagem do plástico para redução de emissão de CO2
Ao “escalar a parede”, os visitantes poderão aprender sobre a importância da leveza e reciclagem do plástico para redução de emissão de CO2

Atração no Parque Ibirapuera terá informações para a população sobre os desafios das mudanças climáticas

A Braskem, maior produtora de resinas termoplásticas das Américas, é a apresentadora oficial da sexta edição da Virada Sustentável, que será realizada em São Paulo, entre os dias 25 e 28 de agosto. Nos dias 27 e 28, a companhia apresenta uma atração desafiadora e divertida que levará o público a refletir sobre as mudanças climáticas: a parede de escalada Braskem, com a chamada #escalenoclima. A iniciativa tem como objetivo ampliar a informação sobre sustentabilidade a partir de uma abordagem positiva para a população, usando uma atividade diferente como ferramenta de conscientização.
A atração da Braskem será instalada no Parque Ibirapuera, ao lado do auditório, e promete oferecer um desafio divertido para crianças e adultos. Ao “escalar a parede”, os visitantes poderão aprender sobre a importância da leveza e reciclagem do plástico para redução de emissão de CO2. Serão três paredes de escalada, com 8 metros de altura e 5 metros de largura. A atividade ficará disponível ao público das 10h às 17h30.
“A Braskem está comprometida a atuar de acordo com os princípios do desenvolvimento sustentável. Apoiamos a Virada Sustentável com a crença de que aliar educação ao entretenimento é uma forma de levar as pessoas a refletir sobre seus atos de consumo e suas escolhas de forma consciente. O objetivo final é estimular a sociedade a alcançar patamares cada vez menores de emissões dos gases que estão provocando as mudanças climáticas”, diz Jorge Soto, diretor de Sustentabilidade da empresa.
De 2008 até 2015, a Braskem reduziu em 8% suas emissões absolutas de GEE e em 16% na intensidade carbônica, considerando as suas emissões diretas e as relativas à compra de energia. Com o compromisso empresarial para uma economia de baixo carbono no Brasil e no mundo, a companhia tem aplicado esforços constantes para a diversificação das matérias-primas renováveis com o objetivo de reduzir progressivamente o nível das emissões. Neste aspecto, é a líder na produção de biopolímeros, o Plástico Verde, a partir da cana-de-açúcar e vem aumentando progressivamente o consumo de gás natural, combustível menos intensivo em emissões de GEE quando comparado ao destilado de petróleo bruto.
Outra ação neste âmbito é adesão a iniciativas voltadas à economia de baixo carbono, como a assinatura da Carta Aberta do Fórum Clima, coordenada pelo Instituto Ethos, e a participação na CPLC (Coalizão para Liderança em Precificação de Carbono) do Banco Mundial. Além disso, a companhia ainda faz parte da carteira do Índice Carbono Eficiente (ICO2) da BM&FBovespa, desde 2011, e integra o Dow Jones Sustainability Emerging Markets Index, o índice de sustentabilidade de países emergentes da Bolsa de Nova York, desde 2012.

Serviço
Parede de escalada Braskem
Local: Parque Ibirapuera – Gramado ao lado do Auditório
Data: 27 e 28/08 – das 10h às 17h30

Artigo anteriorPaulínia tem 312 candidatos a vereador e 7 a prefeito
Próximo artigoProgramação do Theatro tem shows e apresentação de orquestra