Início Paulínia Dono de PitBull é morto pelo próprio cão em Sumaré

Dono de PitBull é morto pelo próprio cão em Sumaré

Tragédia aconteceu na tarde de ontem na residência da vítima, que fica no Jardim Picerno; amigo presenciou todo o ataque
Tragédia aconteceu na tarde de ontem na residência da vítima, que fica no Jardim Picerno; amigo presenciou todo o ataque

Um homem de 36 anos foi atacado e morto dentro de casa pelo próprio cachorro, da raça pit bull, na tarde de terça-feira (14), no Jardim Picerno, em Sumaré. De acordo com informações dos policiais militares que atenderam a ocorrência, o industriário Silvério Pereira da Silva jogava videogame com um amigo, N.V.P., 21. Quando o amigo resolveu ir embora, ao abrir a porta, “Naruto” avançou em N.V.P.

“O rapaz tentou segurar seu cachorro para que o amigo fosse embora. Nisso, o animal partiu para cima dele (Silva) ainda no corredor da casa. E a luta entre eles foi intensa, deixando rastro de sangue por toda a casa”, disse o policial militar Camargo, que atendeu a ocorrência. Já segundo o soldado Ferreira, que também atendeu ao chamado, Silva já estava sem os sinais vitais quando a PM chegou, com várias escoriações pelo corpo e com o braço direito dilacerado. “O que se pôde constatar é que mesmo ferido, o dono do animal ainda conseguiu montar uma barreira em um dos quartos, onde o cachorro deve ter entrado após o ataque. Quando chegamos ao local, percebemos que o cão estava cansado e estressado”, disse.
A mulher do industriário, S.M, de 37 anos, informou aos policiais que “Naruto” convivia com outras duas fêmeas da mesma raça. “Segundo ela, as fêmeas eram tratadas de maneira diferente, mas que ‘Naruto’ era criado de forma mais rígida. Tanto que percebemos no quintal alguns pneus, que são usados para treinamento de animais”, disse Ferreira.
O animal foi capturado e levado pelo Corpo de Bombeiros para o canil do Centro de Controle de Zoonoses de Sumaré.
O corpo de Silva foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal)  e o enterro aconteceu no dia seguinte, quarta-feira (15).