Início Paulínia Escolas municipais de Paulínia serão reformadas

Escolas municipais de Paulínia serão reformadas

A Prefeitura de Paulínia iniciará ainda este mês um programa de reforma das escolas municipais. Ao todo, 58 unidades escolares serão contempladas e a expectativa é de que o programa seja concluído em 12 meses. A previsão de investimentos para execução das obras é de R$ 13 milhões.
De acordo com a prefeitura, o objeto é recuperar as condições estruturais dos prédios das creches, EMEis, EMEFs e escolas técnicas de Paulínia.O contrato abrange a execução das obras de manutenção, conservação e reforma nos prédios ocupados pela Educação. A ação beneficiária 16 mil alunos da rede pública.
O prefeito Dixon Carvalho ressaltou a importância do programa. “Essa sempre foi uma de nossas prioridades e estamos extremamente satisfeitos com o início deste trabalho. Com as reformas, conseguiremos garantir melhor estrutura e conforto para todos os professores e alunos da Rede Municipal de Ensino de Paulínia. Para nós, investir em educação é investir no futuro de nossa cidade”, enfatizou o chefe do Executivo.
Unidades
As 10 primeiras unidades que passarão por intervenções são a EMEI Dona Itéla Ferro Soldera (Monte Alegre II), Creche Carolina Rother Ferraz (Santa Terezinha), EMEF Oadil Pietrobom (Santa Terezinha), EM Professora Elvira Cassia de Oliveira (São José), Creche Felipe Macedo de Barros (Santa Terezinha), EM Professora Odete Emídio de Souza (São José), EMESFM Vitor Szczepanski e Souza Filho (Centro), EM Nelson Alves Aranha Neto (Parque Bom Retiro), EMEF Professora Maria Aparecida Caputti Beraldo (Jardim Planalto), EM Leonor Jacinto de Campos Pietrobom (Alto dos Pinheiros). A prioridade de execução das obras foi definida pela Secretaria de Educação.
“Tínhamos que começar, então decidimos por aquelas que neste momento têm as maiores necessidades. Os primeiros trabalhos serão realizados nestas dez unidades e seguirão para as outras, finalmente atendendo antigas demandas das escolas do município”, explicou o secretário de Educação, Luciano Ramalho.

Artigo anteriorDeputado estadual destina R$ 500 mil para Paulínia
Próximo artigoAtleta de Paulínia é destaque no Campeonato Paulista de Kung Fu