Início Empresarial Grupo Belarmino apoia o Novembro Azul

Grupo Belarmino apoia o Novembro Azul

Ações internas serão realizadas nas empresas para lembrar os homens sobre os cuidados com a prevenção do câncer de próstata

Todas as empresas do Grupo Belarmino, entre as quais a Transportes Capellini, líder do Consórcio BUS+ e responsável pela operação dos ônibus metropolitanos que atendem a Região Metropolitana de Campinas (RMC), além da Rápido Luxo Campinas, Ouro Verde, Rápido Sumaré, Vila Real, VB Transportes e Turismo, West Side, Lirabus, Avante, Campos dos Ouros, Viação Itu e as unidades de negócio Viaje Mais e VBex, apoiam o Novembro Azul.
O apoio se dá por meio de ações que reforçam a conscientização dos homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. Por isso, as empresas coloriram seus sites com a cor azul e estão divulgando peças institucionais sobre a campanha em suas redes sociais.
Faixas e banners alusivos à campanha também foram colocados nas garagens das empresas e os funcionários foram convidados a usar laços azuis em seus uniformes, para lembrar dos cuidados com a saúde do homem.
O câncer de próstata é a segunda causa de morte por câncer entre homens, ficando atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. A faixa etária que concentra o maior número de óbitos por câncer de próstata é entre 75 e 85 anos. Descoberta precocemente, a doença tem 90% de chances de cura.
Alguns fatores aumentam o risco, como histórico familiar de câncer de próstata (pai, irmão e tio), raça (homens negros sofrem maior incidência desse tipo de câncer) e obesidade. A única forma de garantir a cura é o diagnóstico precoce.
Mesmo com a falta de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem esses fatores, devem visitar anualmente o urologista para fazer o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos.
Também é necessário fazer regularmente o exame de sangue PSA.

Artigo anteriorIguatemi e Galleria Shopping devem contratar mais de 2.600 temporários para este Natal
Próximo artigoPrefeitura de Paulínia recebe demandas apresentadas em reunião do Conseg