Início Paulínia Materiais da prefeitura estão entulhados em depósito

Materiais da prefeitura estão entulhados em depósito

Uma matéria publicada pelo portal G1 mostrou que materiais da Prefeitura de Paulínia, como macas hospitalares, carteiras escolares, livros didáticos e botijões de gás estão, há pelo menos dois anos, entulhados em um depósto.
Segundo a reportagem, o problema não é de hoje: em 2017, o G1 noticiou a situação e na ocasião a administração pública informou que resolveria o problema em 30 dias.
De volta ao local nesta quarta-feira, 20, a equipe da EPTV, afiliada da TV Globo, constatou que o problema continua. Desta vez, o espaço onde os materiais estavam acumulados na primeira vez foi limpo, mas o entulho foi distribuído para outros pavilhões do depósito.
Em um deles estão cerca de 30 macas hospitalares eletrônicas. As centenas de carteiras estão em outro local, e provavelmente são as mesmas de dois anos atrás. No pavilhão também há berços que seriam utilizados em unidades de saúde.
Bebedouros, armários, grades e livros didáticos também foram encontrados. Em meio a eles, uma réplica da Menina de Ouro, uma estátua de seis metros que era símbolo do Festival de Cinema de Paulínia, também abandonada desde quando caiu durante um vendaval em 2009.
Outro lado
A Prefeitura informou que 17 das 30 macas abandonadas podem ser reaproveitadas, mas o processo de conserto ainda está em andamento e reforçou que não fazem falta no hospital.
O restante dos materiais será avaliado e o que não tiver conserto será doado ou descartado.
A administração também informou que o problema veio da gestão anterior, que em 2017, também havia dado o mesmo parecer.

Artigo anteriorBombeiros resgatam jiboia de residência no Flamboyant
Próximo artigoPrédio da Biblioteca Virtual volta a funcionar na segunda-feira