Início Destaques Presidente da Acip propõe solução para reduzir mortes na SP-332

Presidente da Acip propõe solução para reduzir mortes na SP-332

Ofícios enviados às empresas de transporte coletivo sugerem mudança de itinerário para evitar acidentes

O presidente da Acip, Wilson Machado, reforçou o protesto ocorrido em Paulínia na semana do dia 15.
Ao ver Paulínia no noticiário da TV, mais uma vez, pelos perigos impostos pela travessia sem segurança no trecho da SP-332 entre o bairro Betel e o condomínio Okinawa, ele formulou uma proposta de mudança de itinerário dos ônibus municipais e intermunicipais, ao menos até a construção de uma passarela no local,

O ofício foi encaminhado às empresas Passaredo, responsável pelo transporte coletivo urbano na cidade, à Viação Bonavita do transporte intermunicipal, à Rota das Bandeiras, concessionária responsável pela rodovia e por fim, ao prefeito de Paulínia, José Pavan Júnior, que prometeu solução ao caso em sua campanha eleitoral de 2008.

Diante de inúmeros acidentes, incluindo muitas vítimas fatais, o pedido de uma passarela para o local é antiga. A Associação de Moradores, como mostra a imagem nesta reportagem, já promoveu diversos protestos, mas até agora obteve retorno apenas da concessionária Rota das Bandeiras, que promete a obra para 2012. “A travessia constante de pedestres na Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP 332), na altura do bairro Betel e do residencial Okinawa é assunto de preocupação pública em Paulínia, dada a ocorrência de muitos acidentes e a falta de uma passarela que garanta mais segurança ao tráfego harmonioso entre veículos e pedestres. A construção de uma passarela já é compromisso firmado, no entanto, uma medida paliativa se faz necessária para evitar mais tragédias e a perda lamentável de muitas vidas nesta região”, considera Wilson Machado.

Sugestão de mudança de itinerário da região de Okinawa e Betel

Viação Passaredo

Linha Betel, permanentemente

ou em horários de pico:

Ida: o ônibus mantém seu itinerário normal.

Volta: segue até o próximo retorno, volta para o ponto do residencial Okinawa, usando a saída de Betel para voltar à Paulínia. Nesta segunda passagem, o ônibus não faz a volta dentro do bairro Betel.

Viação Bonavita

Linha Campinas, permanentemente ou em

horários de pico, incluindo um ponto no bairro Betel:

Ida: após passagem pelo ponto do residencial Okinawa, fazer retorno até Betel, onde deve criar um ponto de embarque e desembarque. Usa o próximo retorno sentido Paulínia para seguir viagem para Campinas.

Volta: entra em Betel para desembarque, segue até o próximo retorno sentido Paulínia e volta para desembarcar no ponto do Okinawa. Faz o retorno em Betel e segue viagem para Paulínia.