Início Empresarial Rodovia Zeferino Vaz ganha passarela na região do Polo Petroquímico de Paulínia

Rodovia Zeferino Vaz ganha passarela na região do Polo Petroquímico de Paulínia

A nova passarela será instalada na altura da Petrobrás
A nova passarela será instalada na altura da Petrobrás

Trabalhos começaram nesta segunda-feira, dia 25, e tem previsão de término para fevereiro de 2015

A Concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração das rodovias que formam o Corredor Dom Pedro, deu início nesta segunda-feira, dia 25, à construção de mais uma passarela para travessia de pedestres na rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332), em Paulínia. O dispositivo está sendo construído no km 130+300 da rodovia, nas imediações do Polo Petroquímico. Esta será a sexta passarela construída pela Concessionária na SP-332 desde 2012. Também foram implantadas passarelas no km 117 (Perdigão) e 119 (Betel), em Campinas, e no km 121 (Okinawa), 131 e 132 (Polo Petroquímico), em Paulínia.
A fase atual dos trabalhos é de fundação da passarela que vai seguir o padrão de acessibilidade estipulado pela Agência de Transportes de São Paulo (Artesp). A previsão é que o dispositivo de segurança esteja disponível para uso a partir de fevereiro de 2015. O investimento da Concessionária é de cerca de R$ 1,6 milhão na nova passarela.
“A passarela é o dispositivo de segurança mais eficaz para eliminar o risco de acidentes envolvendo a travessia de pedestres em uma rodovia. Por isso, a Rota das Bandeiras não tem medido esforços na implantação dos dispositivos em todos os pontos do Corredor Dom Pedro onde detectamos um volume significativo de travessias”, diz o diretor-presidente da Concessionária, Júlio Perdigão.
Além das passarelas na SP-332, foram entregues outros dois dispositivos de segurança na rodovia D. Pedro I (SP-065), km 64+300, em Bom Jesus dos Perdões, e no km 75+100, em Atibaia, ambas em 2013. Uma terceira passarela está sendo construída no km 80+600, também na região de Atibaia. Os trabalhos tiveram início no mês de junho e a previsão de término é para o mês de novembro.