Início Paulínia Valmir Brustolin recebe Titulo de Cidadão Paulinense

Valmir Brustolin recebe Titulo de Cidadão Paulinense

Homenagem aconteceu na sede do Paulínia Racing Bicicross

O empresário Valmir Brustolin, durante a realização da copa Paulínia de BMX ocorrida no último domingo (4), recebeu diretamente das mãos do vereador e autor do projeto Tiguila Paes, o título de Cidadão Paulinense em reconhecimento aos relevantes serviços sociais prestados ao município.

“O local escolhido para fazer a entrega da honraria foi caprichosamente escolhido onde é desenvolvido os trabalhos sociais da escolinha de bicicross”, comentou o vereador Tiguila.

Valmir agradeceu o reconhecimento dos vereadores. “Foi ótimo receber o Título de Cidadão Paulinense. Eu sempre contribuí com as entidades de Paulínia como o Rotary, a APAE, o Lar São Francisco, entre outras. Uma honra muito grande receber o título também pelo Paulínia Racing Bicicross e recebê-lo na pista onde as crianças praticam o esporte”, disse.  

Valmir Brustolin

Valmir Brustolin, 58 anos, é empresário nos segmentos de transporte rodoviário e agropecuária, casado, pai de 3 filhos, nasceu em Ourinhos, interior de São Paulo. Em 1978, Valmir Brustolin mudou-se para Paulínia e começou a trabalhar em uma transportadora de matéria-prima para fertilizantes e açúcar. Trabalhando com transportes, Valmir foi expedidor, projetista de custos, financeiro, auxiliar, gerente e diretor comercial, isso tudo num período de 14 anos e em uma só empresa. Em 1992, foi contratado como diretor comercial de uma holding de transportes de grande porte, em São Paulo. Já experiente, em 1995 Valmir tomou a decisão de fundar a sua própria empresa, a Betel Transportes. Hoje, a empresa conta com 78 funcionários e conquistou diversas certificações. Em 1987, Valmir iniciou trabalhos voluntários e sociais no Rotary Club de Paulínia, onde foi diretor de várias pastas e presidente do aniversário de 25 anos “Bodas de Prata” no ano Rotário 1993/1994. Atualmente, ele é o sócio mais antigo em atividade no Rotary de Paulínia. Foi um dos membros fundadores da entidade São Francisco de Assis em Paulínia e colaborador no início da fundação da Associação dos Escoteiros de Paulínia. Em 1992, Valmir foi um dos fundadores da modalidade esportiva Bicicross no município de Paulínia e primeiro presidente da instituição Paulínia Racing Bicicross em 1997, sendo ainda reeleito por mais três mandatos, período em que foram atendidos mais de 2.800 crianças, adolescentes e jovens. Em 1996, o Bicicross transformou-se em um grande projeto social-esportivo, reconhecido pela Confederação Brasileira de Bicicross – CBBx e Union Ciclist International — UCI, como o principal projeto social na modalidade bicicross. Em 2003, o Bicicross tornou-se pioneiro na inclusão social de pilotos especiais iniciado com a APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Paulínia. Foi em 2007 um dos fundadores da Associação Paulista de Bicicross- APBMX. Fundador, voluntário, apoiador e patrocinador da escolinha de Bicicross de Cosmópolis “Cosmópolis Bicicross Clube”. Colaborador, apoiador e patrocinador de escolas de artesanato das APAE’s de Paulínia e Cosmópolis e para mães carentes com formação em técnicas de pessanka e artesãs de Cosmópolis. Em 2018/2019 ocupou a presidência do Rotary de Paulínia em comemoração aos 50 anos de fundação “Bodas de Ouro” daquela importante entidade internacional de prestação de serviços à comunidade, foi membro do Fundo Social de Solidariedade do município de Paulínia. Atualmente, Valmir ocupa os cargos de Presidente do conselho administrativo Paulínia Racing Bicicross e da Associação Paulista de Bicicross-APBMX, Diretor do Rotary Clube de Paulínia e diretor da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE de Paulínia. Todos os cargos ocupados nas entidades foram e são de caráter voluntário. Em 2001, Valmir lançou-se em um projeto ousado criando a empresa Betel Avestruzes. Com sua experiência administrativa, a nova empresa no segmento da estrutiocultura brasileira tornou-se destaque mundial. Valmir, ocupa hoje o cargo de presidente da Associação dos empreendedores Paulista da Estrutiocultura – AEPE e presidente da Câmara Setorial de Ratitas do Governo do Estado de São Paulo.