Início Região Após 42 meses, ponte que liga Paulínia à Americana é inaugurada

Após 42 meses, ponte que liga Paulínia à Americana é inaugurada

As obras da ponte que liga as duas cidades estavam atrasadas desde 2012
As obras da ponte que liga as duas cidades estavam atrasadas desde 2012

Estrutura suspensa foi construída sobre a cratera; área não foi aterrada

A estrada vicinal Ivo Macris, que liga Americana, Paulínia e Cosmópolis, terá o trânsito de veículos normalizado. Em janeiro de 2011 uma chuva forte provocou a queda de uma ponte, abrindo uma cratera no asfalto, e nesta quinta-feira (17), 42 meses depois, a nova estrutura foi inaugurada.

Uma ponte suspensa foi construída e a cratera não vai precisar ser aterrada, de acordo com a Prefeitura de Americana. A estrutura tem 12,66 metros de largura por 30 metros de comprimento. Na obra foram usados 869 metros cúbicos de concreto e mais de 73 mil quilos de aço. No total, R$ 2 milhões foram gastos para consertar a rodovia, sendo R$ 1,6 milhão pagos pelo governo do estado e o restante, pela administração municipal.
O desvio que foi improvisado para os motoristas na época da queda da ponte, uma estrada próxima ao local, deverá ser desativado ainda esta semana, de acordo com a prefeitura.

Obra atrasada

Na época da queda da ponte, a previsão era de que as obras começariam até março de 2012. No entanto, os trabalhos só começaram em maio e com previsão de término de seis meses.
Em junho do mesmo ano, a Prefeitura de Americana alegou que o atraso nas obras ocorreu porque a assinatura do convênio com o governo estadual foi feita posteriormente, após todas as instruções e documentação necessária para a liberação da verba, e que a ordem de serviço deveria ser assinada em breve. Em outubro, a EPTV, afiliada da TV Globo, esteve no local e a administração municipal afirmou que um grupo de funcionários trabalhavam na produção das peças pré-moldadas, que seriam implantadas na ponte.
Em janeiro de 2013, a prefeitura alegou que uma rocha foi encontrada e a equipe de projetos estava trabalhando para solucionar o problema o quanto antes. Segundo a equipe responsável, explosivos seriam usados para remover a rocha mediante autorização do Exército, já que existem casas ao redor. Em contrapartida, peças da ponte estavam sendo montadas na empresa vencedora da licitação.
Em janeiro deste ano, o secretário de obras de Americana, José Nilton de Oliveira, prometeu que a nova ponte seria entregue em abril, mas em maio somente os suportes para as vigas estavam instalados. Desta vez, a justificativa foi que uma das vigas precisou ser refeita. A prefeitura não tinha divulgado um novo prazo.

Acidentes com veículos

No dia 5 de janeiro de 2011, a ponte que havia na estrada que liga Americana a Paulínia foi levada pela enxurrada durante uma chuva forte. Um caminhão caiu horas depois da força da água levar a estrutura, mas ninguém se feriu. No dia 10 de abril do mesmo ano, um motociclista morreu após uma queda.