Início Paulínia Ato em Defesa da Petrobras reúne mais de 120 pessoas na Câmara...

Ato em Defesa da Petrobras reúne mais de 120 pessoas na Câmara Municipal

Além de Paulínia, a Frente Parlamentar deverá realizar outros Atos pelo estado de São Paulo e Leci cogita levar o evento Brasil afora
Além de Paulínia, a Frente Parlamentar deverá realizar outros Atos pelo estado de São Paulo e Leci cogita levar o evento Brasil afora

A Câmara Municipal de Paulínia na noite de segunda-feira, 3, recebeu o primeiro Ato em Defesa da Petrobras realizado no interior de São Paulo e organizado pelo vereador Danilo Barros (PCdoB) em parceria com a Frente Parlamentar criada pela deputada Leci Brandão (PCdoB). No plenário do Legislativo mais de 120 pessoas acompanharam o evento.

Leci agradeceu a presença do público, rechaçou que os crimes que aconteceram contra a Petrobras devem ser investigados e os responsáveis presos para que os fatos não se repitam e pediu a união das classes em defesa da estatal brasileira que desempenha função social e estratégica no Brasil.
Danilo que já trabalhou dentro da Replan, disse que o momento é ruim, mas que quanto mais pessoas se mobilizam em prol de uma causa o objetivo fica mais próximo de ser superado. “Nos últimos meses várias empresas foram afetadas pela crise política e econômica, porém novas oportunidades estão surgindo e tenho a certeza que o Legislativo fará o possível para capacitar e empregar a mão de obra local dentro do que estiver ao nosso alcance”, disse.
O vereador classificou o evento como “oportuno para o momento”, pois serviu para transmitir informações claras aos presentes e desmentir boatos sobre a Petrobras que circulam nas redes sociais.
Estiveram presentes a coordenadora Macro do PC do B, Marcia Quintanillha; o representante do Sindicato da Construção de Campinas e Região, Amilton Mendes; o membro do Sindicato dos Frentistas de Campinas e Região, Severino Bezerra; o filiado ao Sindicato dos Petroleiros, Osvaldo Francelino e o doutor em física e diretor do CTI Renato Archer, Victor Mammana. Os vereadores Flavio Xavier (PSDC), Custódio Campos (PT), doutor João Mota (PT) e o presidente da Câmara, Sandro Caprino (PRB), participaram também do Ato.