Início Empresarial Braskem comemora 14 anos com investimentos em Paulínia

Braskem comemora 14 anos com investimentos em Paulínia

“A Braskem vem conquistando ótimos resultados com a unidade de Paulínia, mas continuamos buscando melhorias que ajudem a aumentar a produtividade de forma sustentável”, afirma Flávio Chantre
“A Braskem vem conquistando ótimos resultados com a unidade de Paulínia, mas continuamos buscando melhorias que ajudem a aumentar a produtividade de forma sustentável”, afirma Flávio Chantre

Companhia fez aporte de R$ 15 milhões para melhorias em sua unidade de polipropileno
Com uma atuação cada vez mais global, a Braskem, maior petroquímica das Américas, celebra 14 anos com o fortalecimento de suas atividades no Brasil, como na unidade de produção de polipropileno (PP 3) de Paulínia. Para manter o alto rendimento, com produtos de qualidade e o máximo de segurança, foram investidos R$ 15 milhões nesta fábrica para a realização da parada geral de manutenção e modernização de processos, equipamentos e sistemas de segurança.
As melhorias asseguram a eficiência das operações da PP 3, que possui capacidade anual de produção de 380 mil toneladas de polipropileno, comercializado em todo o Brasil e no exterior. “A Braskem vem conquistando ótimos resultados com a unidade de Paulínia, mas continuamos buscando melhorias que ajudem a aumentar a produtividade de forma sustentável”, afirma Flávio Chantre, gerente de Relações Institucionais da Braskem.
A empresa também tem forte preocupação com as comunidades em que está inserida, por isso, apoia diversos projetos socioeducativos. Entre eles está o projeto Escola de Bicicross, subsidiado via Lei de Incentivo Estadual (PIE – ICMS), que oferece aulas gratuitas para crianças, adolescentes e adultos. Além disso, há oficinas de “Educação no Trânsito”, para alunos maiores de 9 anos, e aulas de “Manutenção da Bike”, para jovens de 14 a 17.
No âmbito socioambiental, a companhia mantém, em parceria com o Instituto Fábrica de Florestas e a Prefeitura Municipal de Paulínia, o programa Fábrica de Florestas, que produz mudas de árvores nativas no Jardim Botânico Adelelmo Piva Junior. “Buscamos estar alinhados com as demandas da região, contribuindo para o crescimento econômico e social da comunidade onde estamos inseridos”, afirma Chantre.

 

Área de Conformidade será reforçada com nova estrutura e novo executivo

A Braskem reforça sua equipe com a chegada de Everson Bassinello como novo líder de Conformidade. A chegada do Chief Compliance Officer (CCO) está alinhada ao processo de contínua evolução da estrutura de governança corporativa da Braskem. Com experiência em conformidade e gestão de risco adquirida ao longo de 16 anos na produtora de celulose Fibria (grupo Votorantim), Bassinello é formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI), com pós-graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), com MBA na Business School São Paulo (BSP) e especialização em governança corporativa pela Kellogg School of Management, nos Estados Unidos.
O CCO se reporta ao Comitê de Conformidade, órgão independente da diretoria executiva e vinculado diretamente ao Conselho Administração da Braskem. Na liderança do Programa de Conformidade, o CCO terá as seguintes atribuições: o monitoramento a exposição a riscos, a gestão dos trabalhos de auditoria interna, o monitoramento dos sistemas de controles internos, a supervisão do Canal Linha Ética, a coordenação do Comitê de Ética, a disseminação do Código de Conduta, a realização de treinamentos de conformidade e a supervisão das políticas empresariais ligadas a temas de conformidade. O Comitê de Conformidade, criado em maio, tem a função de supervisionar as atividades de conformidade na Braskem, com vista a assegurar que o negócio seja conduzido de acordo com as melhores práticas em todos os países que a empresa opera.

 

“A Braskem já possui um sistema estruturado de conformidade e, na medida em que expandimos o alcance de nossas operações, devemos nos esforçar para melhorar nossas práticas continuamente”, afirma Fernando Musa, presidente da Braskem. “Com a vinculação direta da área de Conformidade ao Conselho de Administração, a Braskem mais uma vez fortalece as suas práticas em governança e conformidade”, completa Musa. A Braskem opera 40 unidades industriais no Brasil, Estados Unidos, Alemanha e México e exporta para mais de 70 países.
Uma das primeiras empresas brasileiras a se adequar às exigências da Sarbanes-Oxley (SOX), em 2005, a Braskem integra o Dow Jones Sustainability Emerging Markets Index, índice de sustentabilidade de países emergentes, lançado em 2013 pela Bolsa de Valores de Nova York (NYSE). Também faz parte do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&F Bovespa desde sua criação. Além disso, a Braskem participa ativamente do grupo de trabalho anticorrupção do Pacto Global das Nações Unidas, entidade da qual é associada desde 2007, e também atua no grupo de trabalho do Pacto pela Integridade do Instituto Ethos.

Artigo anteriorSyngenta lança Programa de Estágio 2017
Próximo artigoPrefeitura de Paulínia nomeia mais 14 novos guardas municipais