Início Colunas Coluna Veja bem! Por Dr. Alexandre Rueda

Coluna Veja bem! Por Dr. Alexandre Rueda

Com a visão não se brinca: nossos olhos são responsáveis por mais de 85% de nossa comunicação com o mundo.

Muitas vezes, a consulta oftalmológica é procurada somente quando algum sintoma diferente é percebido. Entretanto, deve-se lembrar que grande parte das doenças oculares é assintomática, tornando necessária a avaliação preventiva com um médico oftalmologista pelo menos uma vez ao ano.

Há uma grande discussão a respeito da possibilidade de profissionais não-médicos realizarem procedimentos cabíveis a um médico. A exemplo, na área oftalmológica, é possível encontrarmos com certa facilidade a realização de exames e prescrição de óculos feita por optometristas e ópticos práticos. É comum que esse serviço seja oferecido de forma muito atraente, através de anúncios como “exame de óculos grátis” ou “consulta grátis”, levando o paciente ao risco de realizar o exame com um profissional não-médico, sem sequer saber disso.

Após recente decisão do STF (Junho/2020), optometristas estão impedidos de instalar consultórios, prescrever, confeccionar e vender lentes sem prescrição médica. Assim sendo, todo exame e prescrição de óculos é ato exclusivo do médico oftalmologista.

Dado que diversas doenças oculares podem ser diagnosticadas durante uma consulta, é fundamental que o paciente certifique que a avaliação não seja realizada por um técnico, mas por um médico. Esse é o profissional capacitado a também diagnosticar e tratar outras anomalias, como catarata, glaucoma, ceratocone, retinopatia diabética, degenerações maculares, toxoplasmose ocular, hemorragias vítreas, descolamento de retina e muitas outras.

Por isso, informe-se antes de agendar sua consulta. Sua visão é um bem precioso. Cuide bem dela e faça sempre o acompanhamento com seu médico oftalmologista.

Dr. Alexandre Rueda
CRM 151625