Início Região Com tempo seco, número de queimadas dispara no Corredor Dom Pedro

Com tempo seco, número de queimadas dispara no Corredor Dom Pedro

Concessionária Rota das Bandeiras registra um acréscimo de 176% no número de ocorrências, durante o mês de abril

A Concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro, registrou o aumento de 176% no número de focos de incêndio durante o último mês de abril, em comparação com o mesmo período do ano passado. A situação exige cuidados por parte dos motoristas, que podem ajudar a reduzir este número.

Durante os 30 dias do mês de abril deste ano, a Rota das Bandeiras registrou 83 ocorrências de focos de incêndio, uma média de quase três queimadas por dia. Durante o mesmo período do ano passado, foram apenas 30 ocorrências. A situação se torna ainda mais preocupante em tempos de pandemia, uma vez que os principais alvos do coronavírus são os pulmões e o sistema respiratório.

Em relação a março, que costuma ser um mês chuvoso, o número de queimadas apresentou uma alta de 151%. No mês anterior a abril, a Rota das Bandeiras registrou 33 ocorrências de focos de incêndio.

O coordenador de tráfego da Rota das Bandeiras, Murilo Perez, solicita que alguns hábitos sejam revistos pelos motoristas para evitar a incidência de queimadas. “São atitudes simples, mas que podem fazer a diferença, como evitar jogar bitucas de cigarro ou lixo pela janela do veículo”.

O tempo seco ocasionado pela ausência das chuvas deixa a vegetação mais seca, se tornando uma espécie de combustível para o início dos incêndios e a expansão das chamas. Entre os principais fatores causadores de incêndio, além dos cigarros arremessados por motoristas, está a utilização de fogo para limpeza de terrenos, queima de lixo, fogueiras, queimadas para fins agrícolas não autorizadas e balões.

Segundo Perez, além do fator ambiental, as queimadas podem representar outros riscos para quem viaja pela rodovia. “A fumaça dificulta a visibilidade dos motoristas e o calor pode afugentar os animais para pistas, ocasionando atropelamentos”, explica.

Para combater os incêndios, a Concessionária posiciona caminhões-pipa em pontos estratégicos da malha viária. Além disso, a frota de veículos de inspeção da Concessionária, que já circula ininterruptamente pelos 297 km de rodovias, possui abafadores para o combate de pequenas chamas. A Concessionária também conta com apoio do Corpo de Bombeiros, sobretudo em eventos de grandes proporções, e atua com supervisão da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo).

Para acionar a Concessionária, caso veja algum foco de incêndio no Corredor Dom Pedro, o motorista deve ligar para o número 0800-770-8070. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas.