Início Cosmópolis Cosmópolis reduz registro de furtos simples a zero

Cosmópolis reduz registro de furtos simples a zero

De acordo com dados fornecidos pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), houve uma redução da criminalidade de 57% nos dois primeiros meses de 2019, se comparado com o mesmo período de 2018, e uma redução da criminalidade de 40% nos quatro primeiros meses de 2019, na comparação com o mesmo período de 2018. Esses números são reflexos imediatos de políticas de segurança adotadas pela prefeitura de Cosmópolis, em parceria com as Polícias Civil e Militar.
Em maio deste ano, a secretaria de Segurança anunciou o início do projeto Cidade Segura, que, na prática, mapeou a cidade e a dividiu em nove setores. Para cada setor foi criado um grupo de mensagens instantâneas em aplicativo de celular.
Para o prefeito José Pivatto, o projeto Cidade Segura deu certo por causa da união de esforços entre as forças policiais da cidade e a população, que tem participado ativamente das decisões e ações da Guarda Municipal.
“A criação de grupos em aplicativo de mensagens funcionou como uma ligação direta entre as forças de segurança e a população. A GM passou a orientar os cosmopolenses e a receber informações cruciais para o departamento de inteligência e estatística. O apoio e a colaboração entre as forças do município e as Polícias Judiciária e Militar, somados à implementação de monitoramento por câmeras e a contratação de mais 22 Gms, que vão integrar a corporação assim que terminarem o treinamento, nos dá a confiança de que Cosmópolis será uma das cidades mais seguras da região”, disse Pivatto.
Em breve, câmeras de monitoramento facial se unirão às que são capazes de registrar placas de veículos que circulam dentro de Cosmópolis, úteis em investigações criminais e prisão de foragidos.
A utilização dos recursos tecnológicos é, na opinião do Secretário de Segurança e Trânsito, Carlos Alberto Cavagnini, um caminho sem volta. “Na era da informação, o uso de drones, por exemplo, é essencial para determinadas investigações. Facilita bastante o trabalho da Guarda”, explica Cavagnini.

Artigo anteriorPrefeitura paga valores de auxílios retroativos aos servidores
Próximo artigoPrefeitura entrega 628 bolsas de estudo a universitários e estudantes técnicos