Início Política Du Cazellato é citado em cinco denúncias no MP de Paulínia

Du Cazellato é citado em cinco denúncias no MP de Paulínia

Uma delas pediu a cassação do mandato do ex-prefeito interino

O ex-prefeito interino de Paulínia, Du Cazellato, foi denunciado na Câmara Municipal e no Ministério Público do Estado de São Paulo, por meio da Promotoria de Justiça de Paulínia, por suposta ilegalidade em contratações emergenciais entre a prefeitura e a empresa Passaredo, pela falta de haver controle na relação entre o número real de passageiros que circula nas linhas urbanas e o serviço efetivamente prestado pela empresa.
Outra denúncia, também protocolada na Promotoria de Justiça de Paulínia, se refere à possível contratação emergencial para conserto de ar condicionado, sem que houvesse configuração efetiva de emergência e com custo alto, de R$ 645.000, para empresa que teria sido escolhida sem critério. O denunciante informa, ainda, que não haveria provas de que o serviço foi executado, o que se confirguraria como improbidade administrativa.
Uma quarta denúncia trata de suposta omissão ou negligência de Du Cazellaro na gestão da saúde, por falta de medicamentos, próteses, órteses e insumos hospitalares, também protocolada na Promotoria de Justiça de Paulínia.
O ex-prefeito interino também foi denunciado por possível irregularidade em carta-convite para contratação de empresa prestadora de serviços de estrutura de eventos, como instalação de tendas, sonorização, locação de arquibancada, geradores e outros equipamentos. Segundo o denunciante, teria havido direcionamento no processo, os preços apresentados não seriam os particados no mercado, entre outras acusações.
Ainda na Câmara Municipal e na Promotoria de Justiça de Paulína, há um pedido de cassação do ex-prefeito interino por crime de responsabilidade e quebra de decoro, relacionado à contratação de empresa terceirizada para prestação de serviço de merenda escolar, sem processo licitatório e com valor acima do praticado no mercado.