Início Cinema Filme “Beira do Caminho” tem suas últimas cenas gravadas em Paulínia

Filme “Beira do Caminho” tem suas últimas cenas gravadas em Paulínia

Texto: Vera Leão

O filme “Beira do Caminho”, novo longa de Breno Silveira, com produção da Conspiração Filmes em parceria com a Fox Filme do Brasil, teve suas filmagens finalizadas nesta semana em Paulínia e Americana. Foram duas semanas e meias de gravações na cidade. O filme é um dos projetos contemplados pela Prefeitura de Paulínia que investiu R$ 1 milhão de reais no longa. Durante coletiva de imprensa, realizada no Theatro Municipal, nesta quarta-feira, o diretor e atores principais comentaram o filme e experiências em Paulínia.
Conforme explanaram, o filme é estrelado pelo ator João Miguel (personagem principal), Dira Paes, Ludmila Rosa e Denise Weinberg e conta a história do caminhoneiro João que resolve cruzar o Brasil e nunca mais voltar a sua cidade natal, após a perda de um grande amor em uma tragédia. Fugindo do drama, vaga durante anos pelo Brasil e numa das viagens, por acaso, conhece o menino, Duda (Vinicius Nascimento), que aos poucos, faz com que ele reaprenda a importância da vida e dos laços afetivos. Já o menino entra na aventura, pois sonha em encontrar o pai.
O filme custou 7,2 milhões e deve ser lançado no segundo semestre do ano de 2011. “Agradeço o investimento de Paulínia que foi fundamental para a realização do filme”, reconheceu o diretor. Silveira contou que as filmagens no município foram excelentes. “O sol, as locações muito bem encaixadas, o clima, as estradas com canaviais maravilhosas, ajudaram bastante no sucesso das filmagens”, disse ele.   
Beira do Caminho traz o mesmo ‘coração’ do longa “Dois filhos de Francisco”, também dirigido por Breno Silveira e fala de amor. “Para falar de amor hoje em dia tem que ter coragem”, comentou o diretor lembrando uma fala do ator João Miguel.
A atriz Dirá Paes, também esteve presente na coletiva, falou entre outras coisas, da projeção de Paulínia no mercado cinematográfico. “Paulínia se tornou referência para o cinema nacional. Um planejamento que está em fase de investimento e ainda se colherá os frutos do Pólo Cinematográfico”, opinou a atriz.
O filme foi idealizado a partir da música ‘Sentado à Beira do Caminho’ do cantor Roberto Carlos. “Se o Roberto liberar a música, com certeza eu gostaria de usá-la”, finalizou o diretor.
Cerca de 200 figurantes de Paulínia e profissionais formados na cidade participaram do longa.