Início Região População manda recado para vereadores pelo Facebook

População manda recado para vereadores pelo Facebook

Os vereadores de Campinas aprovaram a resolução que definiu o aumento de 126% em seus salários na noite da última segunda-feira (12) e a partir da manhã desta terça (13) começaram a receber mensagens de repúdio por parte da população campineira na rede social Facebook.

Em todas as ocasiões os comentários são de eleitores que se dizem decepcionados com o voto positivo para o aumento. Na rede social do vereador Artur Orsi (PSDB), um de seus eleitores postou: ‘‎126 %? Exagero! Como seu eleitor, estou decepcionado’ escreveu o Leopoldo Bertanha.

No Facebook do vereador Josias Lech (PT) uma mensagem deixada parabeniza a votação da Macrozona 5, no entanto não deixa de mencionar os 126% de aumento. ‘Quanto ao aumento eu repudio, acho que é um afronte para a população de Campinas’, postou Luis Carlos Oliveira.

O eleitor Fernando Marins se dirigiu ao vereador Jorge Schneider (PTB) e questionou o motivo de seu voto em tom irônico e classificou o aumento como ‘pornográfico’. ‘Sr. vereador Jorge Schneider, quero lhe agradecer pela sua posição em aprovar o aumento pornográfico de 126% que o sr. ajudou a aprovar. Se não me engano, um vereador eleito pelo povo, deveria salvaguardar os interesses do povo, mas parece que o sr. não partilha deste ideia, ou estou enganado???’ escreveu Marins.

O vereador Thiago Ferrari (PTB) não escapou da revolta dos eleitores e também recebeu mensagem de reprovação ao aumento. O eleitor Gilson Mota escreveu: ‘Votei em você acreditando que pensava diferente… porém pude perceber que não pensa e aprovou o pequeno aumento de 126%’.

No Twitter a população criou a hashtag #vergonhacampinas que alcançou o trend topics do microblog durante a manhã desta terça-feira (13). Os vereadores que mantém uma conta na rede social também receberam mensagens em referência à aprovação do aumento de 126% dos vencimentos dos parlamentares.

Dois perfis também foram criados no facebook com os nomes ‘Tô de olho Campinas’ e ‘Voto Consciente Campinas’. As duas páginas concentraram usuários da rede que foram à internet e criticaram de forma veemente a votação realizada na noite de segunda. A cidadã campineira Marlene Pitarello classificou a atitude dos parlamentares como odiosa e nojenta. ‘Uma coisa odiosa, nojenta….no momento em que a cidade está falida, empobrecida….era momento de todos se unirem e não pensarem nos seus interesses pessoais….e olhem que a pressão foi grande no momento da votação….eles perderam a vergonha e o medo…tá tudo dominado!’ desabafa Pitarello.

Outro seguidor do perfil sugere uma ação judicial para impedir a concretização do aumento. ‘Algum advogado conhece algum princípio legal que podemos usar para revogar este aumento imoral através de uma ação coletiva?’ questiona Wilson Campanholi Jr.

Mesmo com a declaração explícita de repúdio ao aumento por parte da população, até o momento nenhum dos vereadores que votou a favor da resolução se pronunciou sobre as mensagens deixadas em suas redes sociais. (RAC)