Início Educação Prefeitura de Paulínia capacita profissionais da educação física

Prefeitura de Paulínia capacita profissionais da educação física

As aulas foram ministradas pelos professores doutores Fernando Oliveira Catanho da Silva e Thiago Fernando Lourenço, formados pela Unicamp, e fisiologistas da comissão técnica da Seleção Brasileira de Atletismo Paraolímpico
As aulas foram ministradas pelos professores doutores Fernando Oliveira Catanho da Silva e Thiago Fernando Lourenço, formados pela Unicamp, e fisiologistas da comissão técnica da Seleção Brasileira de Atletismo Paraolímpico

Profissionais de educação física (professores, monitores e técnicos) das secretarias de Esporte e de Educação concluíram, na segunda (4), o primeiro curso de capacitação oferecido pela Prefeitura de Paulínia. O curso foi iniciado em junho.

As aulas foram divididas em seis módulos de quatro horas, cada, e ministradas pelos professores doutores Fernando Oliveira Catanho da Silva e Thiago Fernando Lourenço, formados pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), e fisiologistas da comissão técnica da Seleção Brasileira de Atletismo Paraolímpico.
Segundo Silva, o objetivo dos encontros foi preparar os profissionais para aulas práticas. Para isso, o conteúdo teórico foi dado a exaustão: fisiologia do exercício, avaliação física, atividades e avaliação física no esporte, atividades físicas no esporte para crianças e jovens, avaliação física e prescrição, e atividade física do esporte para pessoas com deficiência.
“Estamos felizes com o resultado. Foi uma troca bem produtiva entre a teoria e a prática. Os professores e monitores foram bem receptivos ao conteúdo. Foi fácil trabalhar as questões propostas. Os encontros nos locais de trabalho também foram bem acolhidos, uma vivência pertinente”, disse Silva.
O secretário de Esportes e Recreação de Paulínia, Salvador Montoro, responsável pela organização da capacitação, destacou que é a primeira vez que um curso desse porte é ministrado para os educadores físicos, monitores e técnicos das secretarias. “Com os bons resultados, podemos melhorar o atendimento à população: alunos, praticantes e idosos”, disse.

Artigo anteriorUFF e UFRJ vencem o 4º Desafio de Design Odebrecht Braskem
Próximo artigoIBP mantem tradição e realiza a XII Semana Teológica