Início Colunas Qual o efeito da radiação solar na pele? Como devo me proteger?

Qual o efeito da radiação solar na pele? Como devo me proteger?

A radiação solar é dividida em 3 espectros de luz, que são: Luz visível, radiação ultravioleta e infravermelho.
A luz visível é responsável por 40% da radiação solar, causando eritema (vermelhidão) cutânea, diminuição da expressão de colágeno tipo 1 , e aumento de radicais livres .
A radiação ultravioleta corresponde a 10% da luz solar, apesar de ser o de menor porcentagem é o mais ofensivo, pois produz efeitos biológicos e moleculares que estimulam o câncer de pele.
O infra vermelho corresponde a 50% da radiação solar e é responsável pelo calor.
Além do sol podemos encontrar a luz visível de outras formas como em celular, computador, lâmpada halógena. Por isso que em muitos casos em que não se tem exposição direta ao sol, ainda sim é indicado o uso de protetor solar diariamente.
Um outro tipo de luz é a luz de câmara de auto bronzeamento, é extremamente nociva à pele, não é recomendado o uso.
Para a proteção o recomendado usar o protetor solar de 3 em 3 horas.
Quando for escolher o protetor solar, devo escolher com ou sem cor?
O protetor solar com cor protege mais a luz visível, porque possui o óxido de ferro e por possui barreira mecânica e possui maior cobertura de imperfeições. O protetor sem cor, possui um ar mais natural, menos oleoso.
Importante se atentar que o filtro com cor é testado para UVA, UVB o que é diferente da base com FPS, que já não possui essa garantia.
Algumas patologias (doenças) aonde a luz visível impacta mais são: melasma, lúpus, acne, hipercromia pós inflamatória.
Escolha com a ajuda de um dermatologista qual o melhor protetor solar para a sua pele e se proteja!

Dra. Luana Queiroz Ferreira, médica formada pela UGF, pós-graduada em Dermatologia pela ISMD, pós-graduando em Tricologia e implante capilar pela BWS , ganhadora do prêmio TOP OF MIND BRASIL 2020