Início Empregos Região de Campinas cria 31 mil vagas de emprego formal em 2023

Região de Campinas cria 31 mil vagas de emprego formal em 2023

O setor que mais gerou empregos formais em 2023 foi o de serviços, com saldo positivo de 19,7 mil vagas, seguido por comércio, com 5 mil contratações a mais do que demissões

A Região Metropolitana de Campinas (RMC) criou 31 mil vagas de emprego formal em 2023, de acordo com o Cadastro Geral de Empregos e Desempregados (Caged), divulgado pelo Ministério do Trabalho nesta terça (30).

Os dados mostram que houve desaceleração na geração de postos com carteira assinada, com queda de 35,5% em relação ao total de 2022, mas a economista Eliane Navarro Rosandiski, do Observatório PUC-Campinas, pondera que a base de comparação é diferente, uma vez que houve expansão das contratações após grande retração na pandemia da Covid-19.

O setor que mais gerou empregos formais em 2023 foi o de serviços, com saldo positivo de 19,7 mil vagas, seguido por comércio, com 5 mil contratações a mais do que demissões.

Os números do Caged mostram que a região teve saldo negativo de 12.368 vagas em dezembro, o que faz parte de um cenário sazonal do emprego.

A maior parcela das demissões em dezembro foi de serviços, com fechamento de 7.417 postos. Para efeito de comparação, o comércio, que costuma ter cortes após os períodos de festas de fim de ano, registrou saldo negativo de 737 postos no último mês do ano.

Artigo anteriorTSE: entidade não encontra falhas em código-fonte da urna eletrônica
Próximo artigoEm Paulínia, Ipem-SP fiscaliza veículos que transportam produtos perigosos e cronotacógrafos