Início Destaques Seddema e Consórcio Mendes Júnior-MPE-Setal iniciam projeto de reflorestamento da Lagoa do...

Seddema e Consórcio Mendes Júnior-MPE-Setal iniciam projeto de reflorestamento da Lagoa do Pq. Brasil 500

O secretário do Meio Ambiente, Ricardo Ferro destaca a iniciativa da empresa como sendo inédita em Paulínia 

  

Este ano, a celebração do Dia Mundial do Meio Ambiente em Paulínia, foi marcada por uma iniciativa inédita do Consórcio Mendes Júnior-MPE-Setal, que está disponibilizando 7.500 mudas de árvores nativas para o projeto de Reflorestamento do entorno na Lagoa do Parque Brasil 500. As mudas começaram a ser plantadas nesta terça-feira,1 de junho, em uma área de 39.000m², por alunos  ‘EMEF Yolanda Tiziani Pazetti’ e ‘EMEF Prof. Dr. José Dalmo F. B. de Matos’. Essa atividade também deu início as comemorações do Dia do Meio Ambiente no município, que se estenderá até o dia 10 de junho. 
O secretário da Seddema, Ricardo Ferro destacou a importância desse e de outros projetos de sua pasta para a melhoria da qualidade de vida dos moradores de Paulínia. “ A Secretaria também está desenvolvendo outros projetos como a construção do Parque da Amizade, a recuperação do Parque Natural Municipal do Cerrado, além das reformas do Jardim Botânico e do Zoológico”. Ricardo Ferro acrescentou que esta é a
Secretário do Meio Ambiente, Ricardo Ferro

 

primeira vez que uma empresa procura a Secretaria para oferecer sua contribuição como forma de minimizar o impacto ambiental que ela possa estar ocasionando no município.
“A Secretaria destaca a iniciativa do Consorcio Mendes Junior/MPE/Setal, e espera que outras sigam o exemplo, pois mostra o alto nível de conscientização na busca da sustentabilidade que estas empresas possuem”.
O gerente do Contrato do Consórcio, Rogério Cunha declarou o projeto é mais uma das ações da empresa que trará benefícios para a região. “Acreditamos que todos serão beneficiados com esse trabalho. Nós nos sentimos orgulhosos em fazer parte dessa ação que contribui para a melhoria na qualidade de vida das pessoas.”
O Projeto
O Consórcio Mendes Junior/MPE/Setal, realizou um inventário de suas emissões de carbono para o período de permanência da empresa no município, sendo que o resultado desse inventário indicou a necessidade de plantio de cerca de 6.300 árvores para neutralizar suas emissão de carbono. Este inventário resulta da composição de vários fatores como: consumo de papel, energia elétrica, esgoto gerado, veículos usados e muitos outros que de uma forma ou de outra geraram essa emissão.
Antes de iniciar o estudo, a empresa fez uma parceria com a Seddema, e ficou decidido que a Prefeitura de Paulinia através de estudos da Seddema  indicaria uma  área de preservação permanente do município passível de recomposição. Definiu-se pela Lagoa do Parque Brasil 500, onde serão necessárias o plantio de 7.500 mudas nativas para recomposição da APP. Através de levantamento florístico realizado por técnicos do Jardim Botanico, foram definidas algumas espécies nativas da região como: Pessegueiro Bravo, Pau jacaré, Mamoninha do mato, pata de vaca, café de bugre, quaresmeira, guaçatonga, mutambo, pau d’alho, pessegueiro do mato, tarumã, catuaba, camboatã, mulungu, aleluia, entre outras. Finalizamos o acordo de parceria onde a Seddema fornecerá as mudas e a assistência técnica e o consórcio será responsável
pelo plantio e manutenção por dois anos. O Consórcio espera concluir o plantio entre 60 e 90 dias. 

Gerente do Contrato do Consórcio
Mendes Júnior-MPE-Setal, Rogério Cunha
 

Consórcio Mendes Júnior-MPE-Setal
O Consórcio Mendes Júnior-MPE-Setal, participa do processo de ampliação e modernização da Replan (Refinaria do Planalto Paulista), realizando a construção de dois complexos de filtragem e purificação de gasolina. A empresa utiliza a mão de obra de 1.000 colaboradores na construção, proporcionando desenvolvimento e renda para a região.
O contrato com a maior unidade do sistema Petrobras, foi firmado em 21 de dezembro de 2007 e os trabalhos na Replan, foram iniciados em junho de 2008. 

Alunos da Rede Pública de Ensino iniciaram o plantio das mudas de espécies de árvores nesta terça-feira, dia 1