Início Paulínia Trevo de Barão Geraldo ganhará nova passagem inferior para acesso à Paulínia

Trevo de Barão Geraldo ganhará nova passagem inferior para acesso à Paulínia

O novo Trevo de Barão Geraldo deve ficar pronto até o final de 2014
O novo Trevo de Barão Geraldo deve ficar pronto até o final de 2014

Dispositivo permitirá que usuários que estiverem na D. Pedro I sigam pela SP-332 por baixo do Tapetão, sem conflito de tráfego

A Concessionária Rota das Bandeiras, inicia nesta segunda-feira, 17 de fevereiro, a construção da passagem inferior que dará acesso direto de quem trafega pela rodovia D. Pedro I (SP-065) e quer acessar a rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332) com sentido a Paulínia, no Trevo de Barão Geraldo.

O novo dispositivo funciona como um túnel. Os motoristas que quiserem seguir na SP-332 passam por baixo das faixas de rolamento do Tapetão, que serão elevadas, evitando assim que o motorista tenha que entrar no Tapetão e atravessar quatro faixas até acessar o caminho escolhido, em conflito com o fluxo que chega de Campinas em direção a Barão. A medida eliminará os conflitos de tráfego atualmente existentes, oferecendo mais segurança e conforto aos usuários que trafegam pela região.
Em princípio, não será necessária a intervenção direta nas faixas de rolamento da alça em que a passagem inferior será construída. As duas faixas e o acostamento serão deslocados alguns metros à esquerda, mas serão mantidos integralmente.
A passagem inferior é semelhante à que está em fase de finalização no entroncamento da D. Pedro I com a rodovia Adhemar Pereira de Barros (SP-340), que liga Campinas a Mogi, também construída pela Rota das Bandeiras.
A obra faz parte do trabalho de remodelação do Trevo de Barão Geraldo, que oferecerá oito opções de caminho independentes aos motoristas, ao contrário do que existe hoje. Novas alças, passagens e adaptação no viaduto estão previstas para a obra, que segue a todo vapor. Atualmente, encontra-se na etapa de escavação de um trecho desapropriado de uma fazenda.
O novo Trevo de Barão Geraldo deve ficar pronto até o final de 2014, com investimento de R$ 8,2 milhões. A obra faz parte do grande projeto de construção das marginais da D. Pedro I em Campinas. Além de Barão Geraldo, outros cinco trevos passarão por algum tipo de melhoria: Campinas-Mogi (iniciado), Carrefour, Sam’s Club, Shopping Galleria e Amarais.