Início Destaques Pavan participa da visita da Imagem Peregrina do Divino Pai a Paulínia

Pavan participa da visita da Imagem Peregrina do Divino Pai a Paulínia

O prefeito José Pavan Júnior e a primeira-dama Lucila Rodrigues Alves Pavan prestigiaram domingo, dia 13, visita da Imagem Peregrina do Divino Pai Eterno. O evento em Paulínia, que teve missa presidida pelo reitor do Santuário Basílica, Pe. Robson de Oliveira reuniu cerca de 30 mil pessoas no Complexo Parque Brasil 500. Antes mesmo de começar, por volta das 7h da manhã, faltando 10 horas para o início do evento, diversos filhos e filhas do Pai Eterno já estavam no Parque Brasil 500.
Exatamente às 17h30, com transmissão ao vivo pela Rede Vida de Televisão, o evento da visita da Imagem Peregrina começou com a presença e boas-vindas do arcebispo de Campinas, Dom Bruno Gamberini. Depois, aconteceram os shows com Pe. Joãozinho e Maria do Rosário. A visita faz parte das comemorações dos 170 anos de devoção ao Divino Pai Eterno. A região de Campinas é um dos locais do Brasil em que a Devoção ao Divino Pai Eterno está mais presente.
O prefeito José Pavan ressaltou que é uma felicidade receber um evento desta magnitude em nossa cidade. “A fé renova as nossas forças e precisamos estar sempre em contado com o sagrado para cumprir a nossa missão. A devoção que cerca o Divino Pai Eterno faz jus a fé do povo brasileiro e Paulínia está inserida neste contexto. Hoje recebemos um evento católico,  logo receberemos outros, das doutrinas evangélicas,   trazendo as bênçãos de Deus para a felicidade do nosso povo”.

De acordo com padre Robson, o encontro é uma forma de aproximar os fiéis ao Divino Pai Eterno. ‘Este é um ano jubilar em que se completa 170 anos de devoção ao Divino. Estamos fazendo uma turnê para levar a imagem peregrina perto dos fiéis que não podem ir até Trindade. E a região de Campinas é um dos locais em que a devoção ao Divino está mais presente. Essa turnê é um ensaio para um trabalho mais efetivo de visita às cidades que faremos ano que vem’, explicou o padre.
O medalhão de barro com a imagem do Divino Pai Eterno, a Santíssima Trindade coroando a Nossa Senhora, foi descoberto em 1840 por um casal de mineiros que trabalhava na lavoura. Os milagres atribuídos ao Divino se espalharam e hoje durante a festa do Divino realizada anualmente, que começa este mês em Trindade com duração de 10 dias, cerca de 2 milhões de fiéis passam pelo santuário.
Outras cidades, como Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre e São José do Rio Preto, devem receber a visita da Imagem ainda neste ano e algumas datas já estão confirmadas. Após a série de visitas, o objetivo do Pe. Robson é ampliar esse trabalho, levando a imagem a todas as capitais brasileiras.  Em dezembro deste ano, a Basílica do Divino Pai Eterno deve fazer nova programação para 2011 e 2012 conciliando o calendário de forma a atender todas as grandes cidades.